domingo, 26 de julho de 2009

Expofacic 2009 Cantanhede



>Saber +


A Câmara de Cantanhede aposta forte na Expofacic, sendo já considerada uma feira estratégica para a divulgação do concelho.

Tendo como objectivo a dinamização do próprio comercio local e regional e da promoção das areas culturais, comerciais e industriais da região.

Concurso Melhor Blog Animação Socio Cultural


CONCURSO
Este concurso destina-se a seleccionar os 2 melhores blogs portugueses sobre Animação Sociocultural nas categorias: A – Melhor Blog Individual (destinado a blogs que só tenham um administrador/responsável e que não sejam institucionais); B – Melhor Blog Colectivo (destinado a blogs que tenham vários colaboradores/responsáveis ou que pertençam a um grupo/comunidade/instituição, como por exemplo, blogs de escolas, de associações, de um grupo de amigos, etc.).
O objectivo deste Concurso é promover a qualidade e a divulgação dos blogs portugueses sobre Animação Sociocultural, importantes veículos de informação, comunicação e desenvolvimento da Animação Sociocultural.
Só podem participar blogs com, pelo menos, 10 postagens diferentes até à data da sua inscrição. Para todos os efeitos serão consideradas as postagens apresentadas no Gadget “Arquivo” do Blog.
INSCRIÇÕES

As inscrições são gratuitas, obrigatórias e estão abertas de 19 de Junho a 31 de Agosto de 2009.
Para se inscrever, o responsável ou co-responsável pelo blog deve remeter por correio electrónico para a Organização do Concurso, a Direcção Nacional da APDASC (direccao@apdasc.com) a informação do seu interesse em participar, indicando o endereço do blog.
Cada blog participante deverá fazer uma postagem sobre o concurso, inserir a imagem do Concurso (disponibilizada após aprovação da inscrição por parte da Organização do Concurso) e um link para o blog do Concurso (http://melhorblogasc2009.blogspot.com/).AVALIAÇÃO

A Avaliação dos blogs será feita 50% voto do público e 50% voto da Comissão de Avaliação. Em caso de empate a Organização do Concurso escolherá o/os vencedor/es.
A Comissão de Avaliação, convidada pela Organização do Concurso e integrada por especialistas nas áreas da Animação Sociocultural e das Novas Tecnologias da Informação e da Comunicação, recorrerá aos seguintes critérios de avaliação: conteúdo, ortografia, criatividade, apresentação, quantidade de postagens, quantidade de comentários, ferramentas interactivas.
O público poderá votar no Fórum da APDASC (http://animusforum.forumvila.com/) entre 01 de Setembro de 2009 e 18 de Setembro de 2009.
Qualquer dúvida, divergência ou situações não previstas neste regulamento serão analisadas pela Organização do Concurso.
É essencial que o blog a concurso esteja actualizado até à divulgação dos premiados, que acontecerá no Jantar Comemorativo do 4.º Aniversário da APDASC, a 19 de Setembro de 2009.
PRÉMIOS

Todos os participantes receberão 1 certificado de participação (se o blog for colectivo receberão todos os colaboradores).
Os vencedores de cada categoria receberão 1 banner com a informação “Melhor Blog Português sobre Animação Sociocultural 2009” e lugar de destaque na página principal do website da APDASC.


http://vallecullia.blogspot.com/

Semana Cultural das Terras do Xisto 2009



De 1 a 9 de Agosto, no Fundão, a Semana Cultural das Terras do Xisto 2009 vai refrescar este Verão. O tema principal da Semana Cultural deste ano é as Casas da Floresta, uma rede de casas dedicadas ao mel, à tecelagem, aos cogumelos e aos bombos. Inaugura-se também o Caminho do Xisto da Barroca, que passa nas gravuras rupestres descobertas à beira do Rio Zêzere. Há ainda uma prova de perícia com barcas tradicionais, espectáculos de circo e de fusão musical com os famosos Bombos de Lavacolhos. E para os mais jovens um acampamento com diversos workshops e actividades aventura.

1 Agosto
BARROCA
Caminho do Xisto da Barroca – Rota da Arte Rupestre, 09:30h
O Caminho do Xisto da Barroca é um percurso pedestre pelas margens do Zêzere, que nos leva às gravuras rupestres e à imponente paisagem das escombreiras.

Abertura do Centro Interpretativo de Arte Rupestre da Barroca – Rede de Arte Rupestre das Aldeias do Xisto, 13h
Um espaço dedicado à Arte Rupestre, desde as margens do Rio Zêzere à Serra do Açor. Conheça a ideia do homem gravada no tempo das rochas.

Festa na Aldeia

2 Agosto
JANEIRO DE CIMA
Encontro de Barqueiros – Prova de perícia, 16h
Uma prova de destreza para os barqueiros do Rio Zêzere, que terão de ser rápidos a ultrapassar os obstáculos.

3 a 8 Agosto
LAVACOLHOS
Acampamento ZABUMBA (*)

Workshop de percussão
4 a 8 Agosto
Este workshop explora e incentiva a criatividade e a dinâmica do “pensamento” musical. O resultado final será apresentado na abertura da Casa do Bombo.

Tarde Aventura
4 de Agosto, 14:00h às 18:00h
Orientação, jogos tradicionais, canoagem, jogos aquáticos, rappel para a água, tiro com arco.


Workshop de construção de cabeçudos
6 a 8 Agosto
Os participantes aprendem, de forma divertida e criativa, a construir um cabeçudo. Os cabeçudos produzidos participarão na arruada final, ao som dos lendários Bombos de Lavacolhos.

6 Agosto
SILVARES
Atiradas ao mar, 21:30h
Uma viagem acrobática junta a magia do teatro e das artes circenses.

7 Agosto
BOGAS DE BAIXO
Atiradas ao mar, 21:30h
Uma viagem acrobática junta a magia do teatro e das artes circenses.

8 Agosto
LAVACOLHOS
Abertura da Casa do Bombo, 19:30h
Nesta Aldeia a tradição do toque do bombo mantém-se bem viva. Na Casa do Bombo preserva-se essa memória e ensina-se como se constroem e como se tocam os bombos.

Encontro de Bombos, 21:00h
É nas arruadas que a tradição do toque do bombo se manifesta em todo o seu fulgor. Em Lavacolhos, o Encontro de Bombos é um momento de festa único.

Drum&Perkussion! – Percussão experimental, 22:30h
A energia dos percussionistas, acompanhados por um baixo e uma guitarra, cria ambientes sonoros alternativos.

Orquestra de Percussão Tradicional Portuguesa, 22:30h Um bombo nunca toca só. A Orquestra vai receber os participantes da Oficina de Bombos para um espectáculo inesquecível.

9 Agosto
BOGAS DE CIMA
Feira Apícola, 14h às 20h
Uma mostra da actividade apícola da região, com concurso de rótulos e méis.

Abertura da Casa do Mel, 18h
Na Casa do Mel entre no mundo das abelhas e delicie-se com a pureza deste néctar.

Os sabores do Mel, 19:30h
Um evento gastronómico para provar o mel e as diversas iguarias que se podem confeccionar à base deste néctar.

Entrega de prémios, 20h
Entrega dos prémios para os melhores rótulos e méis do concurso.

(*) Preço: 45€. Inclui acampamento, refeições e participação nos workshops. A participação nos workshops e actividades estão abertas a participantes que não estejam no acampamento, mediante inscrição.

terça-feira, 21 de julho de 2009

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Animação Comunitária

“Encaramos a Animação Comunitária como uma forma de acção sociopedagógica que visa a transformação social, o desenvolvimento através da participação (…) surge-nos como uma tecnologia social que tem a sua formação nas diferentes Ciências Sociais…” (Bastos e Neves, 1993: p.6)

Podemos definir Animação Comunitária como um processo sociopedagógico que permite criar as condições para alcançar a transformação social e desenvolvimento, através da participação dos cidadãos na sua comunidade e também como uma educação não formal centrada nos interesses e necessidades das comunidades.

A Animação Comunitária trabalha no sentido de transformar o tempo desocupado das pessoas em tempo útil de socialização. Neste contexto, é fundamental falar do conceito de Comunidade. Como precursor do conceito de Comunidade encontramos Ferdinand Tönnies, que define Comunidade como:
“(…)uma forma de vida antiga que se desenvolveu a partir da agregação de famílias num mesmo espaço, caracterizando-se por uma coesão social baseada em laços de sangue, de amizade, de costume e de fé.” (Tönnies, 1887)

Outra definição de Comunidade é aquela que é dada por Ezequiel Ander-Egg, o qual afirma que:
“A Comunidade é um agrupamento organizado de pessoas que se percebem como a unidade social, cujos membros participam de algum traço, elemento, interesse, objectivo ou função comum, com consciência de pertença, situados numa certa área geográfica na qual a pluralidade de pessoas interage mais intensamente entre si do que em outros contextos.” (Ander-Egg, 1980: p.45)

Assim, a Animação Comunitária visa promover um sistema de auto-desenvolvimento que a curto prazo permite aos beneficiários melhorar as suas condições de vida.
Pode-se também dizer que a Animação Comunitária respeita os participantes das acções, os seus ritmos, os seus conhecimentos, visto que cada ser humano apenas se realiza em liberdade, sem pressa e sem modelos impostos.

Em suma, a Animação Comunitária consiste em auxiliar a comunidade na procura da solução para os seus problemas, assegurando que os seus projectos têm continuidade junto da comunidade.