domingo, 13 de outubro de 2013

O Futuro da Animação

É lamentável a forma como alguns auxiliares técnicos de animação "não licenciados com o 12º ano"  se intitulam de animadores, justificando para se acharem capazes de promover a Animação Sociocultural, e passo a citar: "(...)em termos de conteúdo em 3 anos fui mt bem preparada profissionalmente e a experiência na vida real ensina mt mais do que no papel!(...)" Pergunto eu: de que vale a pena estudar e investir na formação se a vida nos ensina? Claro que a vida nos ensina...mas não nos mune com as competências técnicas e científicas para podermos desenvolver um trabalho de Animação Sociocultural capaz, com o devido sentido de responsabilidade e de desenvolvimento educativo, social e cultural...
 
Como desenvolver atividades que refletem o desenvolvimento das pessoas? Será que apenas o aspeto Lúdico é importante na animação? A Animação é muito mais do que o lúdico, não podendo ser descurados outros aspetos, como o pedagógico, o cultural e social. 

Por este motivo, afirmo e reafirmo que os Auxiliares Técnicos de Animação Sociocultural não têm formação para desenvolver um bom trabalho de animação. Animação não é só "entreter", é necessário trabalhar o ser humano, sendo o grau de exigência maior, requerendo mais competência a todos os níveis educativo, social, cultural e desportivo.
 

O futuro da Animação Sociocultural tem que passar por profissionais licenciados...!
 
 

Sem comentários: