domingo, 26 de fevereiro de 2012

Futuro ?


A Animação emerge a partir da conjugação de vários factores: o aumento do tempo livre e a preocupação com o preenchimento criativo do lazer e do ócio; a necessidade de educação e de formação permanente ao longo da vida.

            “O aparecimento da Animação Sociocultural seria o fruto, nomeadamente, de uma reacção colectiva perante o carácter inaceitável de uma cultura que reserva a sua produção e transmissão para uma minoria privilegiada intelectual e/ou economicamente, e um projecto que impele os cidadãos a intervirem directamente numa cultura que vivem todos os dias, a participarem na sua criação e a integrarem-na no seu desenvolvimento geral (Quintana, 1993: p. 27)


Assim sendo, a Animação abrange uma grande diversidade de áreas ao nível educativo, social, e cultural de forma transversal. Com uma multiplicidade de funções de adaptação/integração, recreativa, educativa, correctora e crítica, sendo essencial a fomentação dos aspectos individuais e sociais do ser humano e para uma melhor promoção de uma educação social.


O método da animação tem-se revelado, nos últimos tempos, como um dos métodos mais eficazes para a revitalização da vida pessoal e social, uma vez que consegue responder a algumas das perguntas fundamentais da vida. (…) A animação proporciona uma resposta qualificada à busca de vida animada quando é entendida como método de intervenção social, cultural e formativo(Jardim, 1997: p. 17)


Vamos pensar numa Ordem para Animação?


Na minha opinião é o futuro ao nível de maior restrição para o profissional “Animador” .
Devido os alunos dos cursos técnicos profissionais terem acesso a Profissão de Animador nos…. lares …. escolas….. instituições de solidariedade ....etc..
Sendo eles, alunos dos curso técnicos profissionais escolhidos em detrimentos dos Animadores Licenciados..... devido a questões económicas....
Pondo em causa a Animação no seu processo educativo e lúdico….


Sem comentários: